LUFS para Iniciantes: O que são e Por que são Importantes?

Aprenda sobre a importância dos LUFS e como eles são essenciais para a masterização e lançamento de músicas em plataformas como Soundcloud, Spotify e mais.

music-studio-gear.png

Você já se pegou ouvindo música quando, de repente, a próxima começa e toca tão alto que você corre para diminuir o volume? Ou, ao contrário, você começa a aumentar o volume porque não consegue ouvir a música? Isso acontece quando a música não é masterizada em um volume consistente (seja em um álbum, em diferentes sites de streaming, etc.) e, portanto, durante a reprodução, o volume fica notavelmente fora de equilíbrio.

Filmes, TV, rádio e serviços de streaming usam um áudio que foi criado para soar perfeito e consistente entre cada plataforma individual, mas como eles fazem isso? É aí que entra os LUFS.

O que são LUFS?

LUFS significa "Loudness Units Relative to Full Scale", ou seja, o nível máximo que um sistema pode suportar. É uma medição padronizada de volume de áudio que executa a percepção humana e a intensidade do sinal elétrico juntas. Para simplificar, isso significa apenas que os LUFS são a forma mais recente e precisa de medir o volume do áudio, projetado para ajudar a tornar possível um som consistente.

Pense no LUFS como uma espécie de fita métrica de áudio, as unidades ajudam os engenheiros de áudio a comparar diferentes áudios e combiná-los com as exigências de seus ambientes de audição.

lufs-graphic.png

Quão Importante Eles são?

Existem duas maneiras principais de medir o volume: Pico e RMS ("root mean square"). O pico mede o nível mais alto do áudio enquanto o RMS mede o nível médio. Alguns engenheiros de masterização normalizam todas as faixas de um álbum para atingir o pico máximo, mas isso deixa as músicas com níveis mais altos soando mais alto do que o resto. Por outro lado, medir apenas com RMS pode deixar as músicas com picos acima de 0, o que pode causar distorção. É aqui que entram os LUFS.

Basicamente, agora temos medidores de volume cujas capacidades estendem a VU (Volume Unit) convencional, ou pico, medidores e são baseados em uma especificação chamada "Loudness Units". (...) Resumidamente, "Loudness Units" é a unidade de medida usada no processo de quantificação do volume percebido de uma música através da análise do nível médio ao longo do tempo. Em teoria, duas músicas que registram leituras LUFS idênticas devem soar como se estivessem no mesmo nível, e na prática, elas realmente soam como se estivessem no mesmo nível, independentemente do que digam as leituras de pico ou RMS. Portanto, temos um benefício imediato e prático - se você estiver masterizando e quiser níveis consistentes entre as faixas, verifique suas leituras LUFS. - Sweetwater Audio

A medição LUFS será lida sempre em um número negativo, como -6 LUFS, -11 LUFS, e -16 LUFS. À medida que ele se afasta de 0, ele fica mais silencioso. Quanto mais perto de 0, maior será o volume.

Qual é o Volume Ideal para Cada Plataforma?

Esperamos que agora você tenha uma ideia geral do que são LUFS e como eles são úteis para a masterização. Então, como isso pode ser aplicado daqui para frente? Abaixo está um gráfico que indica o volume ideal para cada plataforma.

LUFS-table.png

Você pode estar se perguntando se precisa masterizar 10 ou mais mixagens diferentes para cada plataforma. A verdade é que é você quem deve decidir isso. Mixe sua música ao seu gosto (por exemplo -14 LUFS) e, em seguida, para -10 LUFS como se fosse transmiti-la no Soundcloud. Se o som geral não estiver como você deseja, então pode valer a pena masterizar cada música de acordo com a plataforma. No entanto, é possível que seus ouvidos não consigam distinguir o suficiente para justificar o esforço, então, na verdade, tudo se resume ao que você acha que soa melhor.

É um algoritmo muito eficaz. Eu costumava levar horas para equilibrar os níveis corretamente em um álbum. Agora levo cerca de 30 minutos, incluindo ajustes adicionais. - Craig Anderton - músico

- Leia também: Como Masterizar uma Música em Casa: Mais Fácil do que Nunca!

Como Masterizar Música para o Soundcloud, iTunes, Spotify & Mais

Como a maioria das plataformas de streaming ainda usam compressão com perda de dados (o áudio com perdas produz um som de menor qualidade e tem um tamanho de arquivo menor, também é chamada de compressão irreversível porque é impossível reconstruir os dados que foram removidos), é importante deixar um pouco de altura de Pico. Uma boa regra prática é deixar pelo menos 1dB de altura de "True Peak".

A masterização para o Soundcloud é um pouco diferente das outras quando se trata de volume.

Embora o Soundcloud não normalize sua faixa, ele converte o áudio para MP3 a 128kbps para sua plataforma. Durante esse processo de conversão, faixas com volume alto e picos altos podem sofrer os maiores problemas, como distorção, falta de clareza ou som de rangido. A melhor maneira de evitar essas armadilhas é deixar pelo menos -1dBTP de altura, isso garantirá que sua música soe melhor para o Soundcloud.

Spotify e iTunes, como os outros, sugerem deixar -1dBTP (decibéis "True Peak") de altura, para compensar o formato com perdas mencionado acima.

Já a Amazon Music, por outro lado, abaixa as músicas mais altas, mas atualmente não se ajusta para faixas mais baixas aumentando-as, então não masterize muito silenciosamente.

Como usar os LUFS

Uma das maneiras mais fáceis de incorporar os LUFS em sua masterização é através do Moises. Desenvolvido e disponível na versão web, o Moises adicionou uma NOVA função de masterização* que permite ao usuário uma opção fácil e eficaz para mudar os LUFS antes da masterização.

Não só existem predefinições otimizadas para as diferentes plataformas de streaming (Youtube, Soundcloud, Spotify etc.), mas você também pode definir os LUFS para qualquer nível que desejar.

Se você não quiser mudar o nível, ele será automaticamente ajustado para -14dBTP, que é a medida padrão que funciona para a maioria dos serviços de streaming.

Passo a Passo: Como Usar os LUFS online com o Moises

1. Acesse o site do Moises

Basta acessar o site do Moises, e criar sua conta ou Login. Escolha como deseja se registrar: através de sua conta Google, Facebook, ou Twitter.

2. Faça o upload do seu arquivo de áudio

Após criar sua conta, clique no botão "Submeter música" e depois na opção "Masterização (BETA)".

Pronto! Agora você pode masterizar suas faixas sem se preocupar com os níveis de volume quando estiver pronto para exportá-las para o local final.

O Moises torna muito simples ajustar os LUFS ao seu gosto e permite que você passe mais tempo no que realmente importa, criando a obra prima que é sua música!

Ainda está curioso sobre o LUFS? Deixe um comentário ou uma pergunta abaixo pra gente!

*Por enquanto, essa funcionalidade está disponível apenas na versão web.

Imagem: Unsplash (Cinescope Creative)

Pronto para tocar em outro nível?Comece grátis!